Pesquisar
,

Wikileaks sofre ataques após anunciar divulgação de documentos de Presidente turco

Anteriormente, o Wikileaks havia dito que o povo turco “provavelmente seria censurado” para prevenir que os emails e documentos fossem lidos.
por Pedro Marin | Revista Opera
(Foto: Presidência da Turquia)

O site Wikileaks tem sofrido uma série de ataques após ter anunciado que nos próximos dias disponibilizaria ao público uma série de documentos e emails vazados do atual Presidente da Turquia, Recep Erdogan, reportou o site nesta terça-feira (19) por meio do Twitter.

“Nossa infraestrutura está sob ataque contínuo”, anunciou o Wikileaks pelo Twitter. “Nós estamos incertos em relação à verdadeira origem do ataque. O momento sugere uma facção do poder estatal turco, ou seus aliados.”

Anteriormente, o Wikileaks havia dito que o povo turco “provavelmente seria censurado” para prevenir que os emails e documentos fossem lidos. Apesar dos ataques, o site prometeu publicar a primeira leva de documentos ainda nesta terça-feira.

Os ataques ocorrem após o governo turco derrotar uma tentativa de golpe de estado por parte de um grupo de militares do país. Até o momento, mais de 7,5 mil pessoas foram detidas, 3 mil juízes foram suspensos e 8 mil policiais foram afastados. Ao menos 265 pessoas morreram durante os conflitos.

Continue lendo

campo refugiados def
Israel desobedece a CIJ e provoca novo massacre em campo de refugiados de Gaza
internacional
Qual é a eficácia dos empréstimos e da assistência internacional?
guerra
Vijay Prashad: a guerra dilacera o coração da humanidade

Leia também

palestina_al_aqsa
Guerra e religião: a influência das profecias judaicas e islâmicas no conflito Israel-Palestina
rsz_jones-manoel
Jones Manoel: “é um absurdo falar de política sem falar de violência”
Palmares
A República de Palmares e a disputa pelos rumos da nacionalidade brasileira
Acampamento de manifestantes pedem intervenção militar
Mourão, o Partido Fardado e o novo totem [parte I]
pera-9
A música dos Panteras Negras
illmatic
‘Illmatic’, guetos urbanos e a Nova York compartimentada
democracia inabalada
Na ‘democracia inabalada’ todos temem os generais
golpe bolsonaro militares
O golpe não marchou por covardia dos golpistas
colono israel
Os escudos humanos de Israel