Pesquisar
,

Chomsky, Tom Morello e Oliver Stone condenam impeachment de Dilma Roussef

No total, a carta conta com a assinatura de 22 pessoas, e diz que a base legal para o impeachment de Dilma Roussef é “largamente questionável”.
(Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

Na semana do julgamento final do processo de impeachment contra a presidenta afastada Dilma Roussef, diversos intelectuais, artistas e autores assinaram uma carta condenando o processo e o atual governo interino.

A carta, que conta as assinaturas de personalidades como Noam Chomsky, Tariq Ali, Tom Morello, Oliver Stone e Naomi Klein, diz que “a base legal para o impeachment em andamento é largamente questionável e há evidências convincentes que demonstram que os principais dirigentes da campanha pelo impeachment estão tentando remover a presidenta com o objetivo de parar as investigações de corrupção nas quais eles mesmos estão envolvidos.”

No total, a carta conta com a assinatura de 22 pessoas: Tariq Ali, Harry Belafonte, Noam Chomsky, Alan Cumming, Frances de la Tour, Deborah Eisenberg, Brian Eno, Eve Ensler, Stephen Fry, Danny Glover, Daniel Hunt, Naomi Klein, Ken Loach, Tom Morello, Viggo Mortensen, Michael Ondaatje, Arundhati Roy, Susan Sarandon, John Sayles, Wallace Shawn, Oliver Stone e Vivienne Westwood.

A carta também faz críticas ao governo do presidente interino Michel Temer: “Nós lamentamos que o governo interino no Brasil tenha trocado um ministeriado diverso, liderado pela primeira presidenta mulher [do país], por um ministeriado composto por homens brancos, em um país onde a maioria se identifica como negro ou pardo.”

Impeachment

O julgamento final do processo de impeachment contra a presidenta Dilma foi iniciado na última quinta-feira (25) no Senado. A expectativa é que o julgamento termine até a madrugada de quarta-feira (31). Na segunda-feira, a presidenta afastada comparecerá ao Senado.

Continue lendo

paraisopolis
Massacre de Paraisópolis: "cada dia de espera é mais um dia de sofrimento", diz antropóloga
forcas armadas
As Forças Armadas contra o Brasil negro [parte 1]
ditadura
Reabertura de comissão sobre mortos e desaparecidos da ditadura e luta contra o golpismo ganham força em ato no RJ

Leia também

palestina_al_aqsa
Guerra e religião: a influência das profecias judaicas e islâmicas no conflito Israel-Palestina
rsz_jones-manoel
Jones Manoel: “é um absurdo falar de política sem falar de violência”
Palmares
A República de Palmares e a disputa pelos rumos da nacionalidade brasileira
Acampamento de manifestantes pedem intervenção militar
Mourão, o Partido Fardado e o novo totem [parte I]
pera-9
A música dos Panteras Negras
illmatic
‘Illmatic’, guetos urbanos e a Nova York compartimentada
democracia inabalada
Na ‘democracia inabalada’ todos temem os generais
golpe bolsonaro militares
O golpe não marchou por covardia dos golpistas
colono israel
Os escudos humanos de Israel