Pesquisar
,

Venezuela terá Comissão da Verdade para investigar candidatos envolvidos em violência

A Comissão também abriu uma investigação contra o deputado Julio Borges, por envolvimento em ações para prejudicar o sistema financeiro da Venezuela.
por Pedro Marin | Revista Opera
(Foto: ANDES/Micaela Ayala V.)

A Assembleia Nacional Constituinte da Venezuela anunciou na última quarta-feira (16) a criação de uma Comissão da Verdade, Justiça, Paz e Tranquilidade Pública, com o objetivo de investigar os candidatos às eleições locais do país, programadas para o outubro.

A presidenta da Assembleia, Delcy Rodriguez – nomeada também líder da Comissão – anunciou o início das investigações contra todos os candidatos às eleições, com o fim de determinar se algum deles esteve envolvido em atos de violência durante as manifestações no país. “Nós pedimos ao Conselho Nacional Eleitoral (CNE) que enviasse a lista completa dos candidatos governamentais à Comissão da Verdade”, declarou Rodríguez.

Além da averiguação dos candidatos, a Comissão da Verdade determinou também a abertura de uma investigação contra o deputado opositor Julio Borges (Primero Justicia), por suposto envolvimento em ações para prejudicar o sistema financeiro Venezuelano e a distribuição de alimentos e remédios.

[button color=”” size=”” type=”square” target=”_blank” link=”http://revistaopera.operamundi.uol.com.br/2017/07/09/venezuela-um-guia-para-entender-um-novo-golpe-parte-1/”]Leia também: Venezuela – um guia para entender um novo golpe (parte 1)[/button]

“O chefe de estado, Nicolás Maduro, teve acesso a comunicações que foram dirigidas pelo deputado Julio Borges ao banco Goldman Sachs e a investidores australianos para que, em primeira instância, para que se bloqueasse as linhas de financiamento internacional à Venezuela para aquisição de medicamentos e alimentos e, em segunda instância, para evitar investimentos estrangeiros na Venezuela”, denunciou Delcy.

Continue lendo

europa
A crise de moradia alimenta a ascensão da extrema-direita na Europa
balikatan china
Vijay Prashad: os Estados Unidos reúnem o esquadrão contra a China
milei
O realismo mata a ideologia: a rendição do governo Milei à China

Leia também

palestina_al_aqsa
Guerra e religião: a influência das profecias judaicas e islâmicas no conflito Israel-Palestina
rsz_jones-manoel
Jones Manoel: “é um absurdo falar de política sem falar de violência”
Palmares
A República de Palmares e a disputa pelos rumos da nacionalidade brasileira
Acampamento de manifestantes pedem intervenção militar
Mourão, o Partido Fardado e o novo totem [parte I]
pera-9
A música dos Panteras Negras
illmatic
‘Illmatic’, guetos urbanos e a Nova York compartimentada
democracia inabalada
Na ‘democracia inabalada’ todos temem os generais
golpe bolsonaro militares
O golpe não marchou por covardia dos golpistas
colono israel
Os escudos humanos de Israel